O JORNALISMO PARANAENSE E A DITADURA: UMA ANÁLISE ENTRE DOIS JORNAIS DO PARANÁ NO INÍCIO DA DITADURA E NA ELEIÇÃO DE TANCREDO NEVES

Luis Fernando Zandoná Salom, Ivan Mizanzuk

Resumo


Os jornais definem o que será apresentado ao seu público e essa seleção obedece a regras e interesses do veículo, essa seleção pode ser chamada de linha editorial. Para exemplificar esta seleção nesta monografia dois jornais impressos do estado do Paraná são colocados frente à frente para que seja discutido de que forma os mesmos acontecimentos são entregue pelas mídias ao público. Com a aplicação da teoria do agendamento em dois objetos distintos no período do golpe militar de 1964 e a eleição de Tancredo Neves em 1985, esta monografia vai analisar características textuais que possam estar presentes em um dos objetos e não estejam no outro e ainda buscar identificar características políticas no discurso apresentado no objeto de pesquisa.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.