NITROGÊNIO AMONIACAL NO SOLO E NA ÁGUA LIXIVIADA DE TRÊS DIFERENTES PEDOSSEQUÊNCIAS DO PARANÁ

Cristhiane Anete Neiverth

Resumo


A demando por alimentos em virtude do crescimento da população mundial tem levado ao uso intensivo de fertilizantes nitrogenados. O trabalho objetiva avaliar a lixiviação e o comportamento do nitrogênio amoniacal (N-NH4+) em solos de colunas indeformadas de três pedossêquencias do Paraná. Foram aplicadas concentrações de NPK igual a recomendada no campo no cultivo de milho, com volume de água correspondente a média anual dos últimos 10 anos de chuva na região. Os resultados mostram que a lixiviação do N-NH4+ é maior nos solos com menor quantidade de Carbono Orgânico (CO), Capacidade de Troca Catiônica (CTC), Argila e Dureza Total. A concentração de N-NH4+ na água lixiviada esteve acima dos índices máximos permitidos pelo CONAMA para o CAMBISSOLO (P2), ORGANOSSOLO (P6), ARGISSOLO (P8) e PLANOSSOLO (P9) na superfície e no ARGISSOLO (P8) e PLANOSSOLO (P9) na subsuperfície, indicando risco em potencial para os mananciais hídricos destas regiões.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.