RELAÇÕES ENTRE O PROGRAMA FEDERAL BOLSA-ATLETA E A NATAÇÃO: UMA ANÁLISE DE 2005 A 2015

Mayara Torres ORDONHES, Wallinson Ramos Sant ana da LUZ, Fernando Renato CAVICHIOLLI

Resumo


O Programa Bolsa-Atleta foi estabelecido pelo Governo Federal em 2005 com o objetivo de fornecer incentivos mensais a atletas de rendimento que obtiveram bons resultados em competições nacionais e internacionais dentro de sua modalidade. Como parte das ações utilizadas para o esporte de alto rendimento pelo Governo Federal, o Bolsa-Atleta se torna um importante tema nas discussões acerca de como é feita a gestão esportiva no Brasil. Para contribuir com este debate, este estudo tem como objetivo verificar como se configura o financiamento do Programa Bolsa-Atleta para a natação entre os anos de 2005 e 2015. A metodologia se deu por meio de pesquisa documental e de análise quantitativa. Os dados foram obtidos através de listas de atletas contemplados divulgadas pelo Ministério do Esporte e publicadas no Diário Oficial da União (DOU). Os dados foram organizados e armazenados em uma planilha do Microsoft Office Excel. Em seguida, o tratamento estatístico dos dados se deu por meio de geração de tabelas e gráficos. Os resultados mostram que a natação é a segunda modalidade com maior número de bolsas concedidas, com 8,35% do número total de bolsas. Em relação às concessões, o ano em que houve o maior crescimento no número de contemplados se deu em 2010, com um aumento de 209%. No entanto, este crescimento alterou a forma como é feita a distribuição no número de bolsas, com a maior parte das concessões sendo feitas aos atletas com resultados de nível internacional e nacional, em detrimento de bolsas estudantis e de base.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.