CARDIOPATIA CONGÊNITA

  • Lucas Aurélio Mendes UniBrasil Centro Universitário
  • Anna Katherine Dos Santos Nascimento
  • Paula Casemiro
  • Taysa Perez
  • Natália Yoshizawa
  • Geisa Liandra de Andrade
Palavras-chave: Palavra-chave: cardiopatia; alimentação balanceada; hábitos alimentares; propriedades funcionais; nutrição.

Resumo

A doença cardíaca congênita, consiste em uma anormalidade estrutural do coração. Tendo como base, uma das malformações mais frequentes e repercussões significantes de forma aguda ou crônica. De acordo com a “Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo” estima-se que, no Brasil, 720 paradas cardíacas ocorrem diariamente. Com base nisso, desenvolveu-se um caso clínico real onde o paciente foi diagnosticado com problema cardiovascular, hipertensão e alergia alimentar. Para melhora do quadro nutricional do paciente, foi desenvolvido orientações e um cardápio apropriado para o mesmo. Com o objetivo de manter o equilíbrio nutricional e a demanda metabólica requerida pela patologia, selecionou-se alimentos que contém substâncias protetivas como vitaminas, minerais, fibras e antioxidantes. Que melhoram o desempenho e diminuem as dificuldades encontradas pelo indivíduo. Neste sentido, temos alimentos que devem ser consumidos de forma consciente e de maneira controlada e alimentos que devem ser substituídos na alimentação do cardiopata como processados, embutidos e enlatados. Para estimulação do paciente na alimentação, foi desenvolvido um mousse de chocolate com base de abacate e outros ingredientes que apresentavam ação antioxidante, anti-inflamatória e propriedades funcionais para pacientes cardiovasculares. Para um melhor desenvolvimento do projeto, optou-se pelo conhecimento aprofundado da patologia na alimentação e de que forma ela intervinha na vida social do indivíduo. Após o conhecimento sobre a patologia, foi realizado o contato com uma unidade de saúde em Curitiba especializada em cardiopatia congênita, no qual, relatou as dificuldades enfrentadas pelos pacientes e a forma de orientação adequada da equipe multidisciplinar. A falta de informação e de estrutura adequada, consiste no agravamento da doença. Com base nisso, elaborou-se uma apresentação contendo informações especificadas da patologia e a avaliação experimental do mousse de chocolate voltada para o público. Conclui-se que o avanço das doenças cardiovasculares, vem contribuindo para o aumento da mortalidade em diversas regiões brasileiras. Além de, constituir em uma das principais causas de permanência hospitalar prolongada. Para o desenvolvimento do projeto, foram revisados os principais marcadores de risco em adultos com cardiopatia, obtendo a avaliação nutricional do paciente. Para que haja melhora nutricional, é importante que ocorra a conscientização da correção de hábitos alimentares, a fim de reduzir o avanço das doenças cardiovasculares, regulação do estado nutricional e proporcionar uma melhora na qualidade de vida.

Biografia do Autor

Geisa Liandra de Andrade

*Professora orientadora.

Publicado
2021-06-11
Seção
Nutrição