O BRINQUEDO TERAPÊUTICO UTILIZANDO ELEMENTOS PERSONIFICADOS NA SOROTERAPIA

  • Elizangela Regina Delfino UniBrasil
  • Luis Felipe Biora Comim Centro Universitário Autônomo do Brasil UniBrasil
  • Juliane Aparecida Candido Centro Universitário Autônomo do Brasil UniBrasil
  • Vania Carvalho de Oliveira Schuertz Centro Universitário Autônomo do Brasil UniBrasil
  • Ivone da Costa Centro Universitário Autônomo do Brasil UniBrasil
  • Jaqueline Aparecida Bello Polli Centro Universitário Autônomo do Brasil UniBrasil
Palavras-chave: Brinquedo Terapêutico, Elementos Personificados, Soroterapia, Capa Protetora, Enfermagem

Resumo

Na assistência à saúde, o brincar deve ser utilizado tanto para cumprir sua função recreacional como terapêutica, destacando-se para tanto o Brinquedo Terapêutico (BT), o qual constitui-se em um brinquedo estruturado para a criança aliviar a ansiedade gerada por experiências atípicas de sua idade, que costumam ser ameaçadoras,  e que requerem mais do que recreação para manejar a ansiedade, sendo usado sempre que ela apresentar dificuldade em compreender ou lidar com alguma experiência. Com isto, a proposta aos alunos do 6° período de Enfermagem do Centro Universitário Autônomo do Brasil – UniBrasil a confecção e aplicabilidade do BT em campo de estágio, que ocorrerá nos meses de setembro, outubro e novembro em Unidades de Saúde e Hospitais de Curitiba/PR e região metropolitana. Objetivando aliviar o estresse das crianças hospitalizadas de forma lúdica e interativa, auxiliando na recuperação e superação de traumas, possibilitando-as de compreender e aceitar os procedimentos, após devida orientação do profissional de enfermagem por intermédio do BT.  Uma vez que o BT criado pode ser utilizado para crianças a partir de O anos, recorrer a utilização de elementos personificados na soroterapia, ou seja, uma capa protetora personalizada com personagens típicos do mundo infantil, é possível amenizar a percepção negativa elas tem do tratamento, através de uma nova roupagem apropriada, em vez de ficarem apenas expostos como soros comuns. Os elementos personificados na soroterapia chamam-se “amiguinhos do sorinho” e contam com 5 protótipos confeccionados com material de EVA, caracterizados de personagens como: Smilingüido, Mickey Mouse, Rei Leão, unicórnio e Capitão America que motivam no momento da infusão medicamentosa, pois recobrem a embalagem original de maneira ilusiva e, além disso, podem ser reutilizados inúmeras vezes durante o  tratamento, proporcionando a conexão interativa na tríade estabelecendo vínculo entre a família, profissional e a criança hospitalizada. O resultado do Projeto encontra-se em desenvolvimento, na expectativa que os protótipos sejam utilizados e aplicados pelos acadêmicos de enfermagem no decorrer do estágio. Já que a utilização do BT na assistência de enfermagem e no atendimento à criança hospitalizada aumenta aceitação do paciente, diminui a sensação de medo e aumenta a confiança no profissional de saúde estabelece-se então, a conexão para realizar procedimentos invasivos, potencializando a vivência a experiência de puerilizar-se, ou seja, proporciona a ambiência na saúde, auxiliando nas práticas assistenciais que geram o bem estar físico, emocional, mental e social no processo de desenvolvimento da criança.

Palavras-chave: Brinquedo Terapêutico; Elementos Personificados; Soroterapia; Capa Protetora; Enfermagem.

Biografia do Autor

Elizangela Regina Delfino, UniBrasil
Acadêmica do curso de bacharelado de Enfermagem escola de saúde UniBrasil
Publicado
2020-01-22
Seção
Enfermagem