GERAÇÃO DE ENERGIA POR MEIO DO LIXO ORGÂNICO E ESGOTO PROMOVENDO A SUSTENTABILIDADE

  • Cristhiane Neiverth Unibrasil
  • YARA CARINA VIEIRA CHATOSKI CHATOSKI
  • VINICIUS VICILLI SOUZA SILVA SILVA
  • BRUNO RODRIGUES SAUNITTI SAUNITTI
  • SCHNEIDER, F. A SCHNEIDER
Palavras-chave: Energia elétrica; Resíduos orgânicos; Biogás; Meio ambiente; Impactos.

Resumo

Este artigo objetiva apresentar uma proposta de projeto focado na sustentabilidade e preservação do meio ambiente, considerando a importância da energia elétrica no cotidiano das pessoas. A crise energética, o descontrolado descarte de resíduos orgânicos e dos esgotos urbanos geram as dificuldades de preservação do meio ambiente. Considerando estes fatores identificou-se a oportunidade de demonstrar alternativas de aproveitamento de tais dejetos como insumo renovável para produção de biogás gerando assim a energia. Além disso, também é realizada uma análise de viabilidade econômica com importantes critérios como: custos de investimento e operacionais para o sistema de produção necessário. Este estudo apresenta uma proposta estruturada e didática do processo de transformação energética, recursos e sustentabilidade. Um plano de gerenciamento de projetos foi elaborado a fim de criar diretrizes que possam ajudar na apresentação das etapas desde a análise teórica do processo produtivo até os impactos positivos e negativos. Pesquisas sobre produção de energia elétrica a partir de matéria orgânica destacam sua importância para as áreas econômica, ambiental e social. Estudos realizados nos últimos anos apontam para o potencial energético significativo que os resíduos podem ter na matriz energética. Porém, necessita-se ainda de investimento em tecnologia para aprimorar o potencial energético e garantir que esta produção se torne representativa e viável. O processo anaeróbio de produção do biogás com utilização de matéria orgânica como matéria-prima requer condições específicas por se tratar de um sistema microbiológico, contudo, mantidas as condições operacionais otimizadas, constitui um processo eficiente, conforme se verifica nos estudos já realizados. Devido a grande quantidade de parâmetros e da dificuldade desse controle o processo de digestão anaeróbica é considerado bem complexo, pois depende diretamente da composição do substrato e, este não se apresenta de forma constante, dificultando ainda mais o controle do meio reacional. Considerando a produção teórica de biogás foi possível verificar a viabilidade energética, considerando seu custo de obtenção e, sobretudo os benefícios ambientais do aproveitamento dos resíduos orgânicos. Isso verifica a potencial implantação da proposta, baseando nos requisitos econômicos e sustentáveis do processo anaeróbio abordado.

Referências

ABREU, F. V. Biogás: Economia, Regulação e Sustentabilidade. Rio de Janeiro: Interciência, 2014. 196 p.
CAPAZ, R. S.; NOGUEIRA, L. A. Horta. Ciências Ambientais para Engenharia. Rio de Janeiro: Elsevier, 2014. 354 p.
CASSINI, S. T. Digestão de Resíduos Sólidos Orgânicos e Aproveitamento do Biogás. Rio de Janeiro: ABES, RiMa, 2003. 196 p.
HOOK M.; TANG X. Depletion of fossil fuels and anthropogenic climate change - A review, Enegy Policy, n.52, p.797-809, 2013.
INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE), Plano Nacional de Saneamento Básico, Rio de janeiro, 2010.
GOLDEMBERG, J.; LUCON, O. Energia e meio ambiente no Brasil. São Paulo, SP: Estudos avançados, 2007. Disponível em:
Acesso em: 05 de abril de 2020.
GOLDEMBERG, J.; Energia e Desenvolvimento Sustentável: Série Sustentabilidade. São Paulo: Blucher, 2010. Volume 4. 94 p.
GOLDEMBERG, J.; PALETTA, F. C. Energias Renováveis: Série Energia e Sustentabilidade. São Paulo: Blucher, 2012. Volume 1. 110 p.
INSTITUTO TRATA BRASIL, Manual do Saneamento Básico, 2012. Disponível em:
Acesso em: 05 de abril de 2020.
LORA, E. E. S.; VENTURINI, O. J. Biocombustíveis. Rio de Janeiro: Interciência, 2012. 1.200 p.
MAYER, M. C. Estudo da influência de diferentes inóculos no tratamento anaeróbio de resíduos sólidos orgânicos. 2013. 70 f. Dissertação (Mestrado em Tecnologia Ambiental) - Universidade Estadual da Paraíba, Campina Grande/ PB, 2013.
PIEROBON, L.R.P. Sistema de Geração de Energia de Energia de Baixo Custo utilizando biogás proveniente de Aterro Sanitário. 2007. 154 f. Tese (Doutor em Engenharia Mecânica) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre/ RS. 2007.
Publicado
2021-06-11
Seção
Engenharia Mecânica

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)